MVVM – [Modelo-Visão Visão-Modelo] Venha descobrir.

Opaaaaaaaaaaaaa! “Eis que surge a volta dos que não foram.

Ola pessoal.  Nossa meu ultimo post foi em Fevereiro?!  Quase um ano sem postar nada?

Serio gente desculpe. Não vou dar nenhuma desculpa ‘esfarrapada’, blog e assim mesmo, às vezes desaparecemos, mas sempre voltamos. Mas tenho trabalhando com muitas coisas interessantes ultimamente, uma delas e o WPF, escolhi para esse projeto o MVVM que posso aproveitar para dar continuidade aos posts sobre padrões de projetos (design-patterns).

O MVVM e um padrão ‘microsoftiniano’  meio que um primo do MVC e MVP, mas voltado para WPF, desculpe não buscar muita historia e histórico do mesmo, mas meu objetivo aqui e só apresenta-lo, quem gosta de historia de como surgiu quem fez e etc, só colocar no São Google! Rsrs

O motivo de existir desse cara e conseguir operacionalizar o caos, como seus primos ele tenta separar em camadas, View – ViewModel – Model, para quem conhece um pouco o WPF, sabe o poder do binding, que é um recurso para ligar o objeto de interface gráfica com o valor de um objeto qualquer, para quem veio do Windows forms C# podemos exemplificar essa frase com o seguinte código:


“txt_nomeUsuario.Text = Usuario.Nome;”

então o binding veio pra mudar essa forma de ligar as coisas. Mas ai e assunto para outro post exclusivo de WPF.

Voltando ao MVVM, com esse recurso de binding a nossa View (UI – Interface Usuário), irá se ligar ao nosso ViewModel, que vai fazer usar o nosso Model (modelo). Simples assim.

Ta bom! Sei que não e tão simples.

Mas não e tão complicado também, segue o raciocínio e se liga nas palavras chaves.

A View (tela onde o usuário vai cadastrar algo ou buscar alguma informação), utiliza de um recurso super poderoso de DataBinding(Pesquisa o que é isso ai), para se comunicar com nossa ViewModel(Classe que e notificada quando da ocorrência de algum evento ou é disparado algum comando), essa trabalha alguma regra de negocio ou transfere essa tarefa para alguma camada especifica trabalhando diretamente o Model(Classe que representa uma ou varias  entidades, Ex Usuario, Empresa e etc). Agora ficou fácil não ficou?!

Mas galera e isso ai, eu só queria passar um OverView sobre o tema é reavivar o blog, para quem quer informações mais didática e completas sobre o tema vou deixar abaixo alguns links bem legais sobre o assunto. Existe também um projeto bem bacana de um framework que ajuda bastante na implementação do MVVM, chamado CINCH, que está hospedado no codeplex que também vou deixar o link logo abaixo.

1 – Post Introdução ao MVVM por Josh Smith

2- Post do Cadu no DevMedia Entendendo o MVVM

3- Framework Cinch do codeplex

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s